FUNDAHC prestigia início de treinamento do Centro Avançado de Diagnóstico da Mama do HC em Itaberaí

Em 05/08/22 07:16. Atualizada em 05/08/22 07:16.

Profissionais da atenção básica de saúde estarão aptos a realizar exames clínicos de mama e identificar doenças de forma precoce

A diretora-executiva da FUNDAHC, Lucilene Maria de Sousa, prestigiou na última quarta-feira, 3, a cerimônia que marcou o início dos treinamentos do Centro Avançado de Diagnóstico da Mama (CORA) do Hospital das Clínicas da UFG (HC-UFG) aos profissionais da Atenção Básica de Saúde do município goiano de Itaberaí para a realização de exames clínicos da mama em mulheres assistidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) da cidade.

O treinamento integra o projeto “Intervenção por meio de Treinamento dos Agentes Comunitários de Saúde Baseado em Evidências de Rastreamento em Exame Físico da Mama”, intitulado como Projeto Itaberaí. “O início dos trabalhos do projeto é um grande marco para a cidade de Itaberaí, uma vez que os profissionais do município estão sendo capacitados pela equipe do CORA e a nossa torcida é que, desta iniciativa, o diagnóstico antecipado do câncer de mama seja cada vez mais difundido nos atendimentos dos SUS”, disse a diretora, frisando que a FUNDAHC tem o papel crucial de garantir a um ambiente de formação dos profissionais de saúde, bem como dos servidores da secretaria de Saúde.

O coordenador geral do projeto e do CORA, Ruffo de Freitas Júnior, disse que o rastreamento mamográfico está muito aquém do que seria o ideal no país. “Hoje, no Brasil, menos de 24% das mulheres que utilizam o Sistema Único de Saúde fazem mamografia. Após a pandemia, isso piorou no Brasil e em Goiás, que saltou de 15% para 63% no número de tumores avançados diagnosticados em mulheres residentes no Estado”, pontuou, lembrando que duas entre cada dez mulheres goianas que usam o SUS já têm tumores acima de cinco centímetros e com metástase.

A iniciativa será desenvolvida por meio de cooperação técnica entre o CORA do HC-UFG/Ebserh, Universidade Federal de Goiás, prefeitura de Itaberaí e Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO). Estão passando pelo treinamento 79 agentes comunitárias de saúde, 11 médicos e 14 enfermeiras.

A cerimônia de abertura do projeto teve a participação da reitora da UFG, Angelita Pereira de Lima, do superintendente do HC-UFG/Ebserh, José Garcia Neto, da prefeita da cidade de Itaberaí, Rita de Cássia Soares Mendonça, da coordenadora de Projetos Institucionais do Ministério Público do Estado de Goiás, Sandra Mara Garbelini, do promotor Paulo Henrique Otoni - titular da 2ª Promotoria de Justiça de Itaberaí, do presidente da Câmara Municipal de Itaberaí, João Pereira Filho, e do diretor eleito para a Faculdade de Farmácia da UFG, professor Luiz Carlos da Cunha.

FUNDAHC prestigia treinamento do Centro Avançado de Diagnóstico de Mama em Itaberai 2

FUNDAHC prestigia treinamento do Centro Avançado de Diagnóstico de Mama em Itaberai 3

FUNDAHC prestigia treinamento do Centro Avançado de Diagnóstico de Mama em Itaberai

Por Mauro Júnio e Monique Pacheco

comunicacao@fundahc.com.br 

Categorias: Notícias Principais